Grundfos mantém a sua liderança no mercado global e aumenta significativamente o lucro.

07/03/2016

Grundfos-lider-global

Mesmo que o mercado global de bombas esteja ligeiramente estagnado no momento, o Grupo Grundfos tem visto um crescimento moderado das vendas de 0,8% medido em moedas locais, e tem aumentado significativamente seus ganhos.

O lucro antes de contabilizar juros e impostos (EBIT) são DKK 2,0
bilhões, em comparação com 861 milhões de coroas dinamarquesas no ano anterior, e o lucro do Grupo após impostos (PAT) chegará a DKK 1,45 bilhões, em
comparação com 503 milhões em 2014.

A receita do Grupo aumentou para DKK 24,8 bilhões, representando um
crescimento de vendas de 5% em coroas dinamarquesas em relação a 2014. O
crescimento das vendas em coroas dinamarquesas foi impactado positivamente pelo aumento da taxa de câmbio em um número de moedas-chave.

A gestão grupo tinha metas claras no início de 2015: alcançar uma melhoria significativa nos lucros, aumentar o share de mercado global e ter um bom começo para aplicação da nova Estratégia Grundfos 2020.

"Nossos resultados e fluxo de caixa tem melhorado substancialmente, graças a um melhor foco e priorização, entre outros. Estamos mantendo ou ganhando share de mercado em mercados estratégicos. E a estratégia do Grupo de focar em nosso negócio principal e melhorar o relacionamento com clientes está sendo constantemente trabalhada", diz o CEO Mads Nipper.

Melhorias nas relações e maior proximidade com os clientes é precisamente o que nos ajudou a conseguir um resultado forte. A concorrência global visivelmente aumentou, mas apesar dos desafios econômicos enfrentados por muitos clientes, a lealdade tem sido muito elevada, como no passado.

"Nós conhecemos as nossas expectativas, por isso estamos satisfeitos com o resultado. Dito isto, eu tenho que dizer que o mercado mundial tem se apresentado muito variado. A Rússia - anteriormente um de nossos mercados com crescimento mais rápido e rentável - está caindo acentuadamente, e a máquina de crescimento da China tem travado em alguns momentos. Estamos vendo o nosso crescimento mais forte na América do Norte e América do Sul. Temos conseguido um crescimento moderado das vendas mesmo em condições de mercado mais difíceis. Eu atribuo isso aos nossos produtos inovadores e de alta qualidade e a capacidade da nossa organização de manter boas relações com nossos clientes", explica o CEO Mads Nipper.

Apesar de uma economia europeia fraca, a Grundfos está vendo avanços em mercados como Itália, Polónia, Hungria, Turquia, República Checa e os países bálticos, onde todos apresentam bons índices de crescimento. As vendas subiram 12% nos EUA, o maior mercado de bombas do mundo, enquanto o crescimento
das vendas foi de 18% nos mercados sul-americanos. Vemos também um desenvolvimento positivo no Japão e Vietnã.

Dentro do segmento de HVAC / OEM, onde a Grundfos fornece soluções para alguns dos maiores fabricantes de caldeiras do mundo, o efeito positivo de cumprir os mais rigorosos requisitos de eficiência energética da UE para bombas e motores é percebido. A Grundfos oferece as soluções mais eficientes em termos energéticos no mercado, e os clientes OEM estão cientes disso.

A Grundfos também está alcançando suas metas de reduzir de forma
duradoura o seu impacto ambiental, por exemplo, nunca emitindo mais CO2 do que emitimos em 2008. Durante o ano, as emissões de CO2, consumo de energia e consumo de água têm sido reduzidas drasticamente em comparação com 2014, e com a nossa referência do ano de 2008.

Leia o nosso relatório anual de 2015 aqui.

 

 

 

 





    Facebook Twitter LinkedIn Technorati